quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Maternidade Leide Moraes é inaugurada




Prefeito inaugura maternidade da Zona Norte

O prefeito Carlos Eduardo inaugurou na noite dessa terça-feira, 23, na Avenida das Fronteiras, no bairro de Nossa Senhora da Apresentação, a Maternidade Leide Moraes, importante obra na área da saúde. É a primeira unidade materno-infantil municipal na região norte da cidade. A inauguração foi prestigiada por diversos representantes dos órgãos que compõem a saúde pública no estado, autoridades políticas como senador Garibalde Alves e o prefeito de Parnamirim Agnelo Alves, além de
lideranças comunitárias e a população em geral.A Maternidade Leide Moraes conta com 17 leitos e terá capacidade para realizar 300 parto/mês, inclusive, parto Cesário. Além disso, a estrutura ainda conta com duas enfermarias, leitos individuais, e centro cirúrgico para os partos que necessitam do procedimento diferenciado. A unidade tem projeto arquitetônico em forma de círculo diferente das edificações tradicionais, e possui ainda a rede hidráulica abastecida por energia solar. "A idéia central do atendimento que faremos é promover a humanização no serviço de assistência à mulher gestante. E isso se inicia com o acolhimento, onde os profissionais irão analisar as necessidades de cada paciente, e também, a classificação de risco de cada um. Diante disso, a nossa postura é de procurar realizar os partos naturais, explicando o passo a passo às gestantes, e assistindo o acompanhante da família. E somente em casos extremos encaminharemos as gestantes ao centro cirúrgico", explica a diretora da maternidade Edilza Pinheiro. Ainda segundo Edilza, a equipe da maternidade da ZN irá trabalhar juntamente com os profissionais do PSF que irão encaminhar as gestantes a partir dos oito meses para conhecer os procedimentos do parto dentro da nova maternidade. "Iremos recebê-las antes do parto para que elas possam conhecer todo o processo, e assim adquirir toda segurança e tranqüilidade na hora de dar a luz. Isso também é necessário porque elas além de conhecer todo o trabalho irão usufruí-lo na hora do parto", afirma a diretora. A maternidade Leide Moraes irá iniciar suas atividades a partir da segunda-feira (30). Nessa semana ela estará em funcionamento somente para os funcionários que estão recebendo uma capacitação para lidar com a demanda. Além disso, equipamentos e a área laboratorial estão sendo testadas para que tudo esteja funcionando adequadamente na segunda-feira. A solenidade de inauguração foi um momento de desabafo e contentamento para os gestores do município. O secretário de saúde de Natal, Edmilson Albuquerque, lembrou no esforço e perseverança para que a obra fosse finalizada. "É com muita emoção que estou aqui na inauguração dessa obra tão importante para a cidade. Essa foi uma administração de luta e também de muitas dificuldades. Mas é com muita alegria que apresentamos essa obra do divino, onde futuras crianças nascerão em um parto diferenciado, que prima de humanização e o respeito à mulher", afirmou Edmilson. Já o prefeito Carlos Eduardo enfatizou os resultados positivos da implantação da maternidade na Zona Norte da cidade. "Estou com forte sentimento de realização e felicidade. Isso porque lutamos muito para que essa obra fosse feita. Há tempos ouvia da população a necessidade de uma obra como essa, em uma área como a Zona Norte que tem 300 mil habitantes, maior que a segunda cidade do estado, e que era justo ter uma maternidade para atender as mulheres que aqui vivem. A maternidade Leide Moraes irá acabar o deslocamento das gestantes para os hospitais Santa Catarina e a maternidade Januário Cicco, elas terão seus filhos na sua comunidade, em seu bairro", disse Carlos Eduardo. A partir de agora, a Prefeitura, passa a contar com três unidades materno-infantis disponibilizando atendimentos na área de obstetrícia e neonatologia. As outras duas maternidades são a de Felipe Camarão e Quintas. No mesmo local onde funcionará a maternidade Leide Moraes, também terá uma unidade de pronto atendimento 24h, com atendimento de urgência em clínica geral e pediatria. No pronto atendimento a capacidade será de 450 atendimentos diários desafogando a demanda dos hospitais Maria Alice Fernandes, Santa Catarina e o Clovis Sarino. O investimento da Prefeitura, em parceria com o governo federal, é superior a R$ 5 milhões, incluindo os equipamentos hospitalares.

FONTE: Prefeitura Municipal do Natal

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Inauguração da maternidade será 3ª feira

Inauguração da maternidade será nesta terça-feira
O prefeito Carlos Eduardo entrega a população nesta terça-feira, 23, a Maternidade Leide Moraes, localizada na Avenida das Fronteiras, no bairro de Nossa Senhora da Apresentação. É a primeira unidade materno-infantil municipal na região norte da cidade. A solenidade de inauguração vai acontecer às 19h.A maternidade tem projeto arquitetônico em forma de círculo o que diferencia das demais edificações existentes naquela área da cidade. Outra novidade é que no mesmo local funcionará uma unidade de pronto atendimento 24h, com atendimento de urgência em clínica geral e pediatria. A Maternidade Leide Moraes contará com 16 leitos e terá capacidade para realizar 300 parto/mês, inclusive, parto Cesário. Já no pronto atendimento a capacidade será de 450 atendimentos diários o que vai desafogar a demanda dos hospitais Maria Alice Fernandes, Santa Catarina e o Clovis Sarino. O investimento da Prefeitura, em parceria com o governo federal, é superior a R$ 5 milhões, incluindo os equipamentos hospitalares. Imagens
Fonte: Prefeitura Municipal do Natal

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Inauguração da Maternidade Municipal


Está programado para amanhã, dia 23 deste mês a inauguração da Maternidade e Pronto Atendimento Dr. Leide Moraes, da zona norte.
Uma obra da Prefeitura Municipal do Natal.