sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Hospital Walfredo Gurgel adverte que está superlotado e pede cautela na celebração do ano novo.


Walfredo adverte que está superlotado e pede cautela na celebração do ano novo

O Hospital Walfredo Gurgel distribuiu a seguinte nota:

"O  maior hospital público do Rio Grande do Norte, o Hospital Monsenhor Walfredo 
Gurgel tem registrado, nos últimos dias, uma demanda de atendimentos 

considerada acima de sua capacidade.  Com 230 leitos, sendo 31 de UTI, a unidade hospitalar vem trabalhando com um percentual de 30% acima desse total.

Nesta quarta feira (26), o hospital contava com 21 pacientes de clínica médica, distribuídos pelos seus corredores. Na manhã desta quinta feira (27) ,este número subiu para 32. 
Juntos, pacientes que precisam de cirurgias ortopédicas em unidades conveniadas e os que aguardam um leito vago de UTI, somam mais 46 internos nas áreas de circulação do Pronto Socorro Clóvis Sarinho (PSCS).

Mediante a demanda registrada no feriado prolongado do Natal, a direção do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel (HMWG), pede à população de todo o Rio Grande do Norte que modere o consumo de bebidas alcoólicas durante as festividades do Reveillon. 
Como em todas as comemorações em que há concentração de grandes aglomerações, o consumo do álcool pode acarretar alterações de comportamento, os quais podem resultar em brigas, acidentes e ferimentos por armas brancas e de fogo.

Para a Diretora Geral do HMWG, Maria de Fátima Pinheiro, “não só a festa de reveillon, mas toda e qualquer comemoração, deve ser celebrada com responsabilidade. 
- Estamos com o hospital cheio há semanas. A situação piorou agora com o feriado do Natal. É preciso que a população se conscientize de que, bebida e direção, por exemplo, não combinam. Se o reveillon repetir o número de atendimentos que tivemos no Natal, será realmente preocupante" .

Fonte: Jornal do RN

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Parabéns Natal (RN) pelos seu 114 anos.

Natal completa nesse dia 25 de dezembro de 2012 115 anos de sua fundação.

Natal tem início com a construção do Forte dos Reis Magos.
Na margem direita do rio Potengi, existia a Aldeia Velha onde viviam os Potiguares. Atualmente Aldeia Velha é um dos bairros de Natal. O nome desse bairro é Igapó, ligado ao centro da cidade por uma moderna ponte.
Natal cresceu muito lentamente, vindo a se desenvolver a partir de 1922, sendo os seus primeiros bairros a Ribeira e a Cidade Alta.
Natal foi fundada em 25 de dezembro de 1599 por Manuel de Mascarenhas Homem, capitão-mor de Pernambuco, onde ali chegou, em 1597, com o objetivo de construir um forte e uma cidade, a fim de assegurar a posse de Portugal, afastando os franceses que comerciavam com os indignas (os índios potiguares).
Natal, durante a II Guerra Mundial, serviu de base aeronaval, com a missão de controlar as comunicações com o continente africano.
Em 1965, foi construída a Barreira do Inferno, a principal base do programa espacial do Brasil.


 
 


 

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012